domingo, 9 de março de 2008

Fora do Ar!

Olá, parceiros da Rádio Boca Livre!

Depois de quase três anos com a rádio instalada na grande rede, jamais tínhamos permanecido mais de doze horas “fora do ar”. Nesse período tivemos problemas com falta de energia elétrica em nossa cidade que nos impossibilitaram de manter a rádio conectada. Outras vezes, problemas com o servidor nos atrapalharam. Todavia, em nenhuma dessas situações, permanecemos mais de doze horas sem lhes possibilitar acesso à rádio.

Há dez dias ocorreu uma descarga elétrica numa central de telefone em nosso bairro. Segundo os técnicos, foram afetados vários metros de cabos de telefonia. Na quinta-feira da semana passada, fomos comunicados que ficaríamos sem telefone por várias horas. Foram dois dias sem telefone é, obviamente, internet. No domingo foi restabelecido o serviço. No entanto, durante a semana tivemos muitas quedas na linha e interrupção do serviço de internet. Sendo assim, não conseguimos manter a rádio o tempo todo no ar.

Quando pensávamos que a situação iria se normalizar, percebemos que o problema não estava solucionado. A partir anteontem, sexta-feira, as interrupções na pioraram bastante. Sábado ficamos sem internet e telefone o dia todo. Só agora pela manhã, por volta das 10:30, que recebemos uma comunicação que o serviço estava normalizado.

Então, cá estou escrevendo pra vocês. Decidi comunicar-lhes sobre esses problemas que nos impossibilitaram de colocar a rádio no ar. Mas na verdade quero mesmo é fazer um desabafo. Vocês não imaginam o meu descontentamento com esta situação. Ontem fiquei o dia todo cabisbaixo. Às vezes eu me distraia e, de repente, percebia que me indagava quase que inconscientemente porque estava me portanto daquele jeito. Entretanto, logo me dava conta que minha chateação era porque a rádio estava fora do ar.

Nesses quase três anos de operação, a rádio se tornou extremamente importante pra mim. Mas ainda não tinha me dado conta que ela havia se transformado em uma espécie de ser com “vida própria”. Só agora compreendi, de maneira visceral, que essa vida própria se manifesta através de vocês, nossos parceiros fiéis. Quando imagino que vocês tentarão acessá-la e não conseguirão, isso me provoca uma enorme frustração. Portanto, foram vários dias tensos com esses problemas constantes no serviço de telefonia.

Não creio que a situação tenha se normalizado totalmente. O técnico me avisou que será necessário trocar alguns cabos que se danificaram por completo. É possível que ainda tenhamos alguns problemas para manter a rádio no ar ininterruptamente. Mas pelo andar da carruagem, logo os serviços serão normalizados. Até lá peço a paciência de vocês. Não abandonem a Boca Livre! Continuamos firmes para mantê-la sempre no ar tocando o melhor da música brasileira pra vocês, nossos parceiros há quase três anos.

O que mais me emociona é que mesmo ficando tanto tempo fora do ar, assim que reinstalamos todos os programas que a colocam no ar, verificamos o monitoramento de audiência logo percebemos várias pessoas conectadas. O caso de hoje, por exemplo, foi emblemático. Ficamos fora do ar mais de vinte e quatro horas, no entanto, assim que retornamos a operar, percebi que havia cinco pessoas conectadas. A sensação que nos dá é que a galera fica aguardando o retorno da rádio.

Essa constatação só reforça a minha sensação de tristeza e frustração quando não conseguimos mantê-la em funcionamento. Em contra-partida, a percepção de que a Boca Livre já faz parte do dia a dia de muitos parceiros, nos comove profundamente e aumenta nossa responsabilidade pra mantê-la sempre “viva”.

Vida longa pra “Boca Livre”! Vida longa pra todos nós! Vida eterna pra grande música brasileira!!!!

Marquinho Carvalho

Um comentário:

weldon disse...

Marquinho, eu, hoje que tive um tempo disponivel para escrever com enorme prazer no seu blogg e acabo surpreso por saber que a radio estava fora do ar. Não tive a minima chance de ligar a internet esses dias aqui, porque eles também estavam dando manutenção no sistema e também fora do ar. Agora posso dizer o que realmente esta acontecendo e tomando uma outra dimensão que foge ao nosso alcançe, porque o mundo internauta é totalmente dependente das fontes que sustenta o sistema ou seja, é impossivel ter esse controle e temos que ser flexivel e até lembrando do filme que assisti sobre a pintora Frida Kalda, que em uma cena dizia, quando ela já estava totalmente sem poder andar, ela simplesmente diz: Pra que pernas se tenho asas para voar? Ou seja mesmo que a radio fica fora do ar por algum tempo, por problemas que independe da nossa vontade, o certo é que ela ja esta voando tão alto que não é um problema dessa natureza que ela não vai deixar de ser RADIO BOCA LIVRE - A MELHOR RADIO DIGITAL E DE MPB DO PLANETA. As pernas que faltaram nesse período foram compensado pelos falta que sentimos de não te-la no ar, saber da sua importancia é uma referencia que diz onde esta a sua grandeza. Continue firme, que nos aqui, estamos do seu lado pro que der e vier. Isso é mais do que uma prova que significa a Radio Boca Livre. Assisti ao show do Gil nesse domingo e simplesmente ele levou uma banda de músicos todos novos e qual o nome? "Banda Larga" isso mesmo, e esta apostando tudo nesse caminho, que ate apoia a disponibilidade de musica na internet dizendo que o contrario é andar na contra mão ou seja pode esperar que no presente e pro futuro, naõ tem mais volta.
E ate a proxima.
Weldinho